4 erros financeiros que quebram seu negócio

4 erros financeiros que quebram seu negócio

Você sabia que 6 de cada 10 empresas têm suas portas fechadas nos 5 primeiros anos em atividade? Esses dados foram divulgados pelo IBGE e são da pesquisa Demografia das Empresas e Estatísticas de Empreendedorismo. Parece algo assustador, mas é importante saber para ter um alerta sobre como os erros financeiros podem acabar com os seus negócios. Hoje você vai conhecer 4 erros financeiros que quebram seu negócio. Vamos la?

           

Conheça abaixo 4 erros financeiros que podem fechar o seu negócio

            Antes de mais nada, não pense que os erros que iremos citar a seguir podem acontecer apenas em empresas pequenas! A verdade é que negócios de todos os tamanhos podem acabar fechando por erros de gestão financeira. Então, fique atento com os tópicos abaixo:

            1- Misturar finanças pessoais com finanças empresariais, 1 dos 4 erros financeiros que quebram seu negócio

Acredite, este é um dos erros mais comuns entre os empresários – tanto os novatos quanto os experientes. Muitos acham que não vão se enrolar se manterem tanto o dinheiro pessoal quanto empresarial na mesma conta. Porém, no entanto, eles se arrependem disso eventualmente pois, percebem a bagunça e a falta de controle geradas por essa decisão.

Quem faz isso geralmente não sabe exatamente quanto dinheiro tem disponível para sua empresa porque, está tudo misturado, ou, acha que tudo bem sair pegando emprestado dinheiro empresarial para usar na sua vida pessoal, mas depois não consegue medir o prejuízo.

O certo portanto, é criar um pró-labore (remuneração dos gestores) e separar as finanças pessoais das empresariais em contas diferentes. Assim, o controle fica muito melhor e você evita perder dinheiro.

            2- Empréstimos frequentes

De antemão, você tem o hábito de recorrer a empréstimos para pagar dívidas? Cuidado! Pois, quem faz muitos empréstimos acaba com ainda mais dívidas em vez de quitá-las. Por outro lado,você retem dívidas com taxas e juros super altos que vão criando um ciclo de onde é difícil sair.

Com as dívidas comuns mais as prestações do empréstimo, você fica sem dinheiro para realizar investimentos necessários ao crescimento do seu negócio. Por isso, antes de partir para o mundo dos empréstimos, considere outras soluções para as dívidas, como a antecipação dos recebíveis.

            3- Desorganização do fluxo de caixa

Você tem o hábito de falarpor exemplo, “depois eu registro isso” e aí acaba esquecendo o que tinha de registrar? Isso por fim, pode gerar uma bola de neve gigante!

Não ter controle sobre o fluxo de caixa de sua empresa é um sinal assustador de que as coisas podem entrar em decadência. Isso porque, não saber exatamente quanto entra e quanto sai pode gerar dívidas e desorganização da gestão financeira inteira.

Por isso, uma dica é não fazer essa tarefa manualmente e sim com alguma ferramenta online. Busque sempre inovar os seus processos financeiros para não se descontrolar.

4- Impostos atrasados

Por fim, empresários precisam pagar impostos. Você precisa estar atento ao seu regime tributário para saber onde, quando e quanto deve pagar. Afinal, atrasar o pagamento de impostos significa criar dívidas com juros cada vez mais altos. Além disso, sua empresa pode eventualmente ser executada judicialmente, ou seja, seus bens correm o risco de serem leiloados ou penhorados. Sendo assim, priorize o pagamento dos impostos.

            A Gontijo Soluções é uma empresa referência em assessoria e gestão financeira. Seus profissionais analisam os números de seu negócio e juntos definem estratégias para que ele continue avançando. Entre no site e conheça melhor todos os serviços oferecidos!

Agende uma visita conosco!

Deixe um comentário